content top
Feira Universidade EcoSolidária, da Univali, será mensal

Feira Universidade EcoSolidária, da Univali, será mensal

Itajaí (SC) A Universidade do Vale do Itajaí (Univali) realizará mensalmente, a partir deste mês de março, a Feira Universidade  EcoSolidária, um espaço em que artesãos e produtores de alimentos orgânicos poderão mostrar e comercializar seus produtos diretamente com os estudantes da Univali.

solidare-feira_eco_cred. Amanda_DamesA Ecosolidária será instalada em frente à Biblioteca Central do Campus Itajaí, das 9h às 21h, sem intervalo de almoço. De acordo com os organizadores, há dois anos a feira vem acontecendo em datas comemorativas e atraindo o público universitário.

Para Leila Severo Martins, coordenadora da Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP) da Univali, a universidade é um importante espaço para divulgar o modelo de economia solidária e estimular o consumo consciente.

PROGRAMAÇÃO DIVERSIFICADA

Além da comercialização de artesanato e dos produtos orgânicos frescos, a preços mais acessíveis, a feira oferecerá uma programação diversificada, com apresentações culturais, espaço saúde, posto de coleta de pilhas baterias, livros, lâmpadas e óleo de cozinha e, às 17h, a Feira de Trocas, que reunirá os empreendedores e o público visitante para troca de artigos, desapego material e integração.

A feira conta com a participação de empreendedores solidários das cidades de Porto Belo, Itapema, Navegantes, Itajaí e Balneário Camboriú, e é promovida pela ITCP em parceria com o Centro Público de Economia Solidária de Itajaí (Cepesi), ligado à prefeitura de Itajaí.

A ITCP é um Programa Permanente de Extensão Universitária da Univali que tem por objetivo promover a inserção na economia formal de grupos sociais excluídos ou em processo de exclusão a partir da organização para o trabalho, por meio da incubação e acompanhamento de empreendimentos de economia solidária – de forma a garantir sua autonomia e independência.

É responsável ainda pelo processo de incubação de empreendimentos de base social, realizando o mapeamento de demandas e comunidades produtivas.

Apoia a formação de grupos empreendedores, cooperativas, associações e entidades sem fins lucrativos, promovendo o desenvolvimento de mecanismos alternativos de gestão baseados nos conceitos da economia solidária.

A ITCP conta com seis grupos incubados de vários segmentos da cadeia produtiva da economia, tais como artesanato, tecelagem e confecção. Há ainda o Centro Público de Economia Solidária de Itajaí (Cepesi), que atende cerca de 10 grupos de caráter diversificado.

Crédito das fotos: Amanda Dames

Leave a Reply